Posso mudar a Previsão do Tarot?

Para saber se é possível mudar a Previsão do Tarot é importante saber como ele funciona. Isso já foi explicado aqui no site em Como funciona o Tarot. Então sabemos como os Oráculos funcionam, agora vou explicar sobre as previsões que os Oráculos, incluindo o Tarot, fazem.

Vamos desmistificar um pouco o poder “adivinhatório” do Tarot. É necessário ter em mente que a previsão do futuro não é uma profecia. Previsão e Profecia são coisas diferentes.

  • A Previsão é o ato de pressupor o que vai acontecer através de sinais e indícios que antecedem o acontecimento, e tendo principalmente como base o que aconteceu.
  • A Profecia vem de uma força maior ou divindade, tido como um fato que não pode ser mudado, algo já estabelecido, situação do destino que não tem como fugir.

O Tarot possui diversas funções (iluminação, terapia, meditação, magia…) e uma delas é a Arte Oracular, ou seja, a Previsão do Futuro. Portanto o Tarot faz previsões do seu futuro com base nas coisas que lhe aconteceram e na forma como você agiu e lidou com elas. Nós seres humanos somos muito previsíveis e tendemos a repetir as mesmas ações e reações enquanto não temos consciência delas.

Nesse ponto a Previsão do Futuro pelo Tarot se faz como uma forma de iluminação (vulgo, autoconhecimento) e terapia, pois ajuda o consulente a perceber suas limitações, crenças, medos; para assim conseguir modificar sua forma de pensar e agir.

Porém há acontecimentos que independem de nossas ações; podem ser causados por outras pessoas, por forças maiores (divindades, carma, profecias), etc. Então uma previsão pode conter uma profecia, mas não é necessário. Quanto mais a previsão depender exclusivamente de você, mais fácil será mudá-la.

Portanto a Previsão do seu Futuro pode ser modificada SE:

  • Tomar consciência das suas ações e reações, e mudar sua forma de agir;
  • A situação depender, em maior parte, de você;

Muitas previsões incluem situações fora do nosso controle, como por exemplo, outras pessoas ou situações predestinadas a acontecer (carma ou profecia).

A Torre e o Julgamento são Arcanos que prevê mudanças intensas onde o consulente não tem como impedir, visto que sua força de ação é muito forte e além do controle do consulente; geralmente também traz questões cármicas (colher o que plantou), ou o fim de um ciclo (profecia).

A Morte e o Mundo são Arcanos que prevê mudanças que serão causadas pelo próprio consulente. Então desta vez ele tem a total escolha para decidir se fará as mudanças ou não.

Se a Previsão do Futuro que o Tarot mostrou não te agradou: é necessário mudar urgentemente sua forma de pensar e agir, e isso só é possível tendo consciência dos motivos que te levam a agir e pensar da forma que o faz agora. Mudando sua forma de viver, mudará a previsão.

Exemplovocê está planejando fazer uma viagem no fim do ano, consulta o tarot e sua previsão mostra que não será possível pois acontecerá algo que complicará a situação financeira; sabendo disto, caso deseje mesmo assim fazer a viagem, comece a juntar dinheiro desde esse momento para conseguir superar essa complicação financeira e viajar sem problemas; caso contrário não será possível viajar ou se endividará muito!

Se a Previsão do Futuro que o Tarot mostrou te agradou: continue o que tem feito pois está no caminho certo. Porém, se modificar sua forma de viver, os resultados provavelmente serão diferentes.

Exemplo; você está estudando muito para passar em uma prova, consulta o tarot e sua previsão mostra que terá uma nota ótima que superará suas expectativas; sabendo disto você fica tranquilo e começa a estudar bem menos, ou quase não estudar. Óbvio que o resultado será diferente do previsto e sua nota não será mais tão boa assim!

No caso das previsões que não podemos modificar, visto que envolvem coisas muito além do nosso controle, não desista nem desanime. Você passará pelo que deve passar, e mesmo assim mude sua postura diante da situação, isso evitará novas previsões ruins no futuro, e se mudar sua forma de agir desde agora poderá enfrentar sua previsão com menos desconforto possível.

Exemplovocê está em uma relação complicada com seus pais, consulta o tarot e sua previsão mostra que terão uma briga feia e ficarão afastados; sabendo disto você deve analisar qual a sua postura e influência nessa situação (o atrito entre seus pais), quando entender os motivos que te levam a agir de tal forma poderá mudar para que a situação termine da forma mais harmoniosa possível. Nesse caso nem tudo depende de você, mas uma mudança da sua parte pode mudar a reação dos outros envolvidos na situação.

Lembrando que não tem como enganar nem driblar os Oráculos ou a vida, você estará apenas enganando a si mesmo. Se a Previsão mostrou que o futuro da relação será de muita dor e sofrimento e o parceiro não está interessado em mudar e ajudar na melhoria, é ilusão achar que conseguirá carregar tudo sozinho; e mesmo que faça algumas mudanças, acabará na previsão de muita dor e sofrimento. Nesse caso a mudança mais sábia seria romper a relação e procurar um novo caminho.

Entre tantas coisas que os Oráculos podem fazer por nós (se permitirmos), a mais bela é a capacidade de nos guiar, através do autoconhecimento, para o centro da nossa vida novamente.

Att,

Angélica L. Azambuja / Taróloga Angel

Gostou desse texto? Compartilhe essa página!

Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.

Como funciona o Tarot

Há várias linhas de pensamentos para explicar o funcionamento do Tarot, vou discorrer sobre algumas, mas antes mostrarei a minha visão. As linhas que conheço são:

  • sobre o inconsciente, de Jung;
  • sobre as sincronicidades do macro e micro cosmos;
  • sobre coincidências;
  • sobre ver o que deseja ver;
  • sobre as energias;

Minha visão

Através da minha experiência com o Tarot, tanto pessoal como profissional, sei que há de tudo envolvido por trás desse Oráculo. O fato de ser tudo me fascina. Ele é muito complexo ao mesmo tempo que é muito simples. É muito misterioso ao mesmo tempo que possui todas as informações livres. Se expande do sagrado ao profano, do divino ao mundano. Lida com as energias e com o material.

Por isso sei que há um pouco de tudo nas consultas ao Tarot (e todos os outros Oráculos). Há o envolvimento energético – sua própria egrégora com um Ser Guardião. Há a sincronicidade, pois tudo se combina e se correlaciona para o nosso aprendizado. Há o acesso ao inconsciente, tanto do Tarólogo quanto do consulente. Há a coincidência, onde coisas acontecem por acaso e mesmo assim se encaixam no momento. Há a vontade do consulente em ver aquilo dentro de sua vida.

É nítido que os Oráculos não são algo puramente deste plano material, eles vem dos planos sutis e conseguem alcançar a nossa dimensão através da simbologia. Trazem sabedoria superior, e por isso mesmo são denominados Oráculos, por possuírem a capacidade de dar sabedoria a qualquer pessoa que esteja disposta a abandonar as ilusões e encarar as verdades. Para que “Quem tem ouvidos, possa ouvir. Quem tem olhos, possa ver.” Através do autoconhecimento, vulgo, iluminação.

Inconsciente, de Jung

Esta linha segue o psiquiatra Jung, primeira pessoa a estudar a relação entre o simbolismo do tarot e o inconsciente.

Nesta linha o uso do Tarot é visto como uma forma de conseguir manifestar tudo o que está escondido e adormecido no nosso inconsciente. Assim se crê que através da simbologia das cartas o Tarólogo entra em contato com seu inconsciente e vê aquilo que está guardado em si.

Indo mais além, Jung aborda também o inconsciente coletivo, que para ele é como um inconsciente UNO (interligado a todos) que todos os seres humanos possuem acesso. Conseguindo, através das simbologias do Tarot, acessar esse inconsciente Uno e trazer as informações para a consciência.

Sendo assim, as mensagens, conselhos e previsões são os reflexos do conhecimento inconsciente do próprio Tarólogo ou do inconsciente coletivo, sendo expostos na consulta com a ajuda da simbologia do Tarot.

Sincronicidades

Jung também criou o conceito da Sincronicidade, que são coisas que acontecem sempre com um motivo ou razão, e nunca de forma casual ou acidental.

Esta linha vê o macro e micro cosmos interligados o tempo todo, em todas as coisas (“assim na terra, como no céu…”). Sendo assim, ao abrir um jogo de tarot, serão tiradas de forma sincrônica as cartas necessárias para retratar a situação exposta, sincronizando o jogo do tarot com a situação referida.

Sendo assim, as mensagens, conselhos e previsões são feitos através desse sincronismo entre a situação exposta e as cartas tiradas no jogo (bem semelhante com a linha das energias).

Coincidências

Indo pelo ceticismo, a linha das Coincidências se refere aos eventos e acontecimentos que são parecidos, porém não tem nenhuma ligação. Essa linha também reforça a Teoria do Caos, onde um mínimo acontecimento é capaz de mudar todos os eventos seguintes. Coisas assim, com pequenos eventos que mudam tudo ao redor, acontecem o tempo todo.

Desta forma as cartas que saem nos jogos são coincidências; elas fazem sentido com o que se passa na situação exposta, porém não tem relação direta com ela. E seguindo a Teoria do Caos, o fato de saber através do Tarot que algo será bom ou ruim modificará o fluxo “natural” dessa situação, pois modificará a sua forma de agir e pensar a respeito desta.

Sendo assim, mensagens, conselhos e previsões não passam de meras coincidências (bem coincididas, rss).

Ver o que deseja ver

Essa linha de pensamento também é cética e acredita que o consulente irá encaixar na sua vida tudo o que é exposto no jogo, para que se torne real e faça sentido para si.

Basicamente, no jogo nada faz sentido, nada se conecta, as coisas são ditas de forma esporádica e o consulente se encarrega de conectar na sua vida e achar sua própria solução. Sendo assim, mensagens, conselhos e previsões são dados “ao léu” e o consulente pega tais informações e enquadra na sua situação atual.

Energias

Essa linha aborda as energias e segue o raciocínio de que tudo é feito de energia; sendo o próprio Tarot portador de um forte e intenso aglomerado de energia (egrégora), protegido ou não por um elemental ou entidade.

Onde, toda vez que um jogo é aberto – sendo ele simples ou complexo, com perguntas objetivas ou vagas – há o acesso a essa egrégora e determinada energia é “puxada” e exposta na mesa, determinando quais cartas sairão.

Sendo assim, mensagens, conselho e previsões são frutos de compatibilidade de energia da situação exposta com a carta que contém sua resposta.

Att,

Angélica L. Azambuja / Taróloga Angel

Gostou desse texto? Compartilhe essa página!

Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.

Formas de ler Tarot sem um Deck

Sabia que é possível usufruir do Tarot sem ter um deck (baralho) disponível no momento? Neste post eu mostro algumas formas. Para começar vou explicar o motivo disto ser possível.

A existência do deck é para nos permitir ter o contato com os Arcanos (cartas). Com isso qualquer método que nos permita ter esse contato é válido, pois a informação está na simbologia que o arcano contém, e não no material – que no caso são as cartas do baralho. Indo além, mais importante do que ter o deck em mãos é direcionar mentalmente a energia que espera deste Oráculo. Para isso deve focar o seu pensamento na pergunta/questão que deseja enquanto faz uso do seu método para encontrar as cartas.

Lembrem que estes métodos são muito úteis para retirar apenas os 22 Arcanos Maiores e para jogos curtos com 1 ou 2 cartas, no máximo. Desejando fazer uso dos 56 Arcanos Menores e de jogos mais complexos, o deck se faz essencial.

Sabendo e entendendo isto, vamos para alguns métodos de ter o contato com os 22 Arcanos Maiores sem ter um deck em mãos! 😉

Gif Animado

Mentalize uma questão e clique no vídeo 2 (duas) vezes; na carta escolhida está o resultado.

Sorteios

Sortear um número entre 1 e 22 também é valido. Lembrando que independente do método, o importante é mentalizar sua pergunta/questão enquanto retira o número. Nesse caso cada número representará um Arcano respectivamente, porém sem as cartas do baralho em mãos.

Isso pode ser feito recortando quadradinhos e escrevendo os números de 1 a 22, misturar tudo em uma sacolinha e com os olhos fechados pegar um papelzinho. Assim como pode ser feito em sorteios online. Um deles é o Sorteador.com.br, gratuito e super prático. Preste atenção para sortear um número entre 1 e 22!

Somas

Soma aleatória

Pegue no mínimo 2 números correspondentes a sua situação, some e reduza até chegar em um número entre 1 e 22.

Conselho para o dia; pode somar o dia, mês e ano. Conselho para o amor; pode somar seu ano de nascimento e o do seu amado, ou o dia que se conheceram, ou a data do próximo encontro, etc.

Exemplo: 22/04/2016 = 2+2+0+4+2+0+1+6 = 17. Sua carta é 17, The Star.

Criando seu Deck

Outra forma é criar o seu próprio deck (baralho) de Tarot com apenas as 22 cartas maiores. Corte 22 formas do mesmo modelo e tamanho (quadrado, retângulo, circulo, etc). Fica a seu critério se vai apenas escrever o número e nome da carta ou sei vai fazer um desenho também. Funciona do mesmo jeito.

O importante é que tenha os 22 arcanos maiores, especificando quem é quem, e que no verso não tenha como identificar as cartas. Com o baralho pronto, é só virar as cartas, embaralhar, mentalizar qual a área que o conselho deve ir, retirar uma carta e conferir o resultado.

RESULTADO DE CADA CARTA PARA CONSELHO AQUI!

Gostou desse texto? Compartilhe essa página!

Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site.

Conselho pelo Tarot – Pendurado e 9 de Ouros

O Pendurado + 9 de Ouros

Conselho através do Tarot.

conselhosemana1.png

Nesta semana a autoestima tende a ser minada; foco em você, lembre-se do seu valor!

Momento de reflexão, evite tomar decisões importantes, não aja no impulso. Analise bem a situação antes de agir, e se possível adie a decisão para quando estiver convicto do que deseja/precisa. Reveja seus conceitos e sua visão sobre a situação para ter certeza que está firme na realidade.

O maior obstáculo desta semana será você mesmo, por isto preste atenção na sua autoestima, na confiança em si mesmo, cultive o amor próprio acima de tudo. Acredite nos seus potenciais, você é capaz!

Cuidado redobrado: alerta para internações hospitalares e prisões, cuidado com ilusões!

Saúde: alerta com apatia, desânimo, falta de energia, baixa autoestima. Onde a doença está estabelecida não tende a progredir; podendo  ficar em suspenso ou partindo para a melhora nas questões físicas! *sempre consulte seu médico!

Att,

Angélica Azambuja

O caminho da Salvação Direta: Iluminação e Auto Conhecimento

“O Tarô e todas as ciências ocultas são em certo sentido revolucionários, porque nos ensinam a salvação direta, nesta vida, através de nossos próprios esforços.”
Trecho do livro 78 Graus de Sabedoria, de Rachel Pollak.

Vivemos um período onde era necessário se apegar a algo para ser Salvo de si mesmo, de seus erros e problemas. Esse algo geralmente era superior à nós, muito mais perfeito e consciente, que havia salvado a si mesmo ou recebido salvação com alguma ajuda.

Estamos sempre evoluindo, e chegamos no estágio da evolução e expansão da consciência onde somos capazes de arcar com as responsabilidades do que fazemos e do que somos. Portanto, somos neste momento capazes de salvar a nós próprios de nós mesmos. Como? Através do conhecer a si mesmo, de se entender e se aceitar, para finalmente conseguir se modificar de forma natural e permanente.

Mudanças rápidas e intensas costumam ser causadas por questões externas, pressão, necessidade urgente; e tendem a ser passageiras. Logo voltamos ao que éramos (e sempre fomos!). Mudanças genuínas acontecem de dentro para fora, quando se solidificam no nosso interior, finalmente se exteriorizam para o mundo.

Chegamos em um momento gracioso, onde temos maturidade suficiente para trilhar nossos caminhos de forma consciente, mas isto só acontece conforme nos permitimos conhecer e entender. Ainda temos a permissão de pedir ajuda e sermos orientados sempre que necessário, para isto temos o Tarot e tantas outras ferramentas maravilhosas! Porém, mesmo assim a responsabilidade passa a ser nossa.

Quanto mais estudo mais percebo o quanto Salvação está diretamente ligado com Iluminação, Auto Conhecimento!

Como é uma consulta aos Oráculos

É mais fácil decidir por onde trilhar quando se sabe aonde quer chegar!

As consultas aos Oráculos – sejam eles runas, astrologia, tarot, entre outros – são simples e muito efetivas quando o consulente abre seu coração e o oraculista mantém o foco no auto conhecimento. Não há mistérios, entregue-se e se permita ouvir as respostas e conselhos tão sábios que eles tem para nos passar!

Para o Consulente, expor sua vida em uma mesa cheia de cartas não é tarefa fácil; olhar os arcanos e ver uma parte de si, muitas vezes que precisa ser melhorada ou curada, requer muito amadurecimento.

A função principal dos Oráculos é nos ajudar nesta jornada, no auto conhecimento. Através disto podem usar previsões para nos orientar e mostrar os motivos das nossas escolhas; mas a arte divinatória não é a função principal dos oráculos. Sua função principal é ser uma ferramenta muito benéfica para nosso progresso e desenvolvimento, o que nos leva novamente ao auto conhecimento.

Conhecer a si mesmo é o caminho para a felicidade plena, para a compreensão de todas as coisas, para a paz e o sossego.

Quem procura os Oráculos quer um direcionamento, uma ajuda, e carece disto quem não está plenamente consciente de si. Portanto a função deles é nos guiar até o caminho que seremos auto suficientes.

Sobre os Arcanos Regendo 2017

Há várias formas de usar o Tarot, e uma delas é com a Cabala e Numerologia. Somando os números do ano que está chegando, temos:

  • 2+0+1+7 = 10
  • 1+0 = 1

Portanto os Arcanos que estão regendo 2017 são A Roda da Fortuna (X) em segundo plano, e o Mago (I) em primeiro plano. O Mago será o Arcano principal, o mais forte e com maior influência, e a Roda da Fortuna estará direcionando e auxiliando as forças do Mago. No ano de 2016 estávamos no Eremita (IX), onde há um recolhimento seguido por crescimento muito grande, e não deixa de ser doloroso. Também foi um ano que revelou e trouxe muitas coisas à tona.

Este ano será direcionado para recomeçar e reconstruir o que foi desmascarado e destruído em 2016, porém de uma forma diferente e assim trazendo novos resultados! Por isso 2017 tende a ser menos doloroso do que este ano. Mas não quer dizer que será fácil, teremos muito trabalho pela frente para reconstruir o que perdemos no ano anterior. Para este ano que está chegando, recomendo acreditar mais em si, refazer os seus planos e libertar a sua criatividade sem medo para conseguir as mudanças que tanto deseja!

Feliz 2017!

Situações Cármicas pelo Tarot

Bom dia!

Situações Cármicas é o assunto de hoje!

Quando falamos que uma situação é cármica as pessoas tendem a se assustar, por isto hoje venho trazer uma nova visão para vocês a respeito deste assunto.

Através do tarot, as situações cármicas são todas aquelas que estão sofrendo interferência do destino ou de seres superiores para o nosso crescimento e direcionamento para o melhor caminho. Estas interferências podem ser tanto para acontecimentos bons como para acontecimento ruins. Mas sempre estão para o nosso crescimento e direcionamento!

Não estamos mais na época da punição. Tudo de bom e de ruim que nos acontece, além de ser fruto do que plantamos, são lições que ainda temos que aprender. Os obstáculos existem para nos ensinar, nos ajudar a crescer, expandir, aprender. Situações cármicas, sejam positivas ou negativas, sempre estão para o nosso bem e somos sempre assistidos pelos nossos guias/mestres superiores.

Porém há muitas coisas nas quais eles não podem interferir, pois precisamos aprender ou precisamos tomar o direcionamento através do nosso livre arbítrio. Afinal, por mais que a vida, o destino ou como você preferir chamar, nos dê interferências para nos colocar no caminho certo, a escolha final sempre será nossa!

E continuaremos colhendo o que plantamos. Portanto, além de aprender com os obstáculos, eles são importantes para nos mostrar o que temos plantado pelo caminho.

Att,

Angélica Azambuja